POLICIA

Publicada em 27/11/18 às 14:21h - 91 visualizações
PM reforça a segurança em distrito de Rio Bonito após terceiro incêndio.

fonte: ilustrado


Francisco Alves – A Polícia Militar reforçou a segurança aumentando o efetivo de policiais em rondas ostensivas no distrito de Rio Bonito, em Francisco Alves, a 60 km de Umuarama.
Nos próximos dias, além de equipes de Umuarama, existe a possibilidade de reforço de policiais de outros batalhões, segundo informou o comandante do 2º Pelotão da PM de Iporã, capitão Gimenes. “Ainda estamos formatando nosso planejamento”, afirmou o militar.
A ação foi tomada após criminosos atearem fogo a uma terceira residência na noite de segunda-feira (26). Este foi o terceiro incêndio a imóvel em três dias na localidade, que está apavorada.
A PROCURA DO ‘ALVO’
Segundo a polícia, a casa incendiada pertence a avó do alvo de uma quadrilha de contrabandistas. A mulher estava em viagem e não havia ninguém na casa.
Os outros dois imóveis queimados na madrugada de sábado (24), também têm ligação com o alvo dos criminosos: uma é do pai e a outra do patrão do pai. Nos ataques sete veículos também foram queimados. A motivação da onda de violência seria vingança.
LATROCÍNIO
Ainda no sábado, uma caminhonete Toyota Hilux também foi carbonizada na Estrada do Bagre, uma das vias de acesso ao distrito de Rio Bonito. O veículo havia sido roubado horas antes em uma propriedade rural de Terra Roxa, onde um homem de 56 anos foi executado a tiros. A princípio há ligação entre o latrocínio e os incêndios, segundo a polícia.
INVESTIGAÇÃO
A Polícia Civil de Iporã acredita que o incêndio a duas residências e sete veículos ocorrido na madrugada de sábado (24) em Francisco Alves, seja apenas um dos diversos crimes que podem ser atribuídos a uma quadrilha de contrabandistas. Os delitos teriam sido cometidos em Iporã, Francisco Alves, Altônia e Terra Roxa e seriam motivados por vingança.
Segundo o delegado de Iporã, Hélio Nunes, a morte de um ex-policial civil e de um policial militar aposentado ocorridos em Altônia e Iporã recentemente possam ter ligação com os crimes do fim de semana.
O mesmo grupo pode estar envolvido ainda em um roubo a um vendedor de alho em Iporã e um tiroteio que deixou uma criança ferida em Francisco Alves. O ponto em comum de todas as ações é o uso de espingardas calibre 12.
Segundo Hélio Nunes a polícia está encaminhando para o Instituto de Criminalísticas cápsulas de balas recolhidas no local de todos os crimes para comparar se foram disparados das mesmas armas.




Os Heróis da Vida Real.
Hora Certa

Estatísticas
Visitas: 6981769 Usuários Online: 163


Fan Page

Tempo no Brasil
You Tube Inscreva-se.
Departamento de Vendas.
Conexão Blogspot.
Rádio Web.
Bombeiros RS Treinamentos
Febrabom RS
A Maior Loja do Brasil

Inscreva-se em Nosso Canal.
Empresa Forte é Destaque Aqui!
Espaço Democrático.
Anuncie Aqui.
Anuncie Aqui!
Fique informado:
Colunistas

Júlio Valêncio

Contra ou a Favor! "eis a Questão".


MESTRE APARECIDO

O Malvado Favorito.


CARLOS CARDOSO

Bombeiros Civis do Rio Grande do Sul Fiquem Atento a Propagandas Enganosas pois, Nada é de Graça!


Redes Sociais


Bloquear cópia de conteúdo Não tente copiar!
Copyright (c) 2018 - conexaobombeiro.com.br - Todos os direitos reservados