CIDADES

Publicada em 15/02/17 às 21:20h - 505 visualizações
Projeto chinês quer estender aeromóvel à região do RS.

fonte: zh.clicrbs.com.br


Um aeromóvel para a Região Metropolitana?
Governo federal conversa com empresa chinesa interessada em construir um aeromóvel que interligaria cinco cidades.

Com o sepultamento da segunda linha do metrô em Porto Alegre, uma nova alternativa para a mobilidade na Região Metropolitana está no horizonte do governo federal. Interessado em investimentos no Brasil, um grupo de chineses procurou o Palácio do Planalto para apresentar a ideia de um aeromóvel interligando a Capital, Alvorada, Viamão, Gravataí e Cachoeirinha.

As conversas entre executivos da China Railway Engineering Group e o governo são preliminares e iniciaram-se sob o comando do ministro Eliseu Padilha. Para seguir adiante, depende ainda de articulação com o Ministério das Cidades. Já se sabe que os chineses têm um ativo bilionário à disposição para investimentos no Brasil. O interesse comum é pelo "meio de transporte por via elevada de propulsão pneumática¿.

Para viabilizar o aeromóvel sem aporte público, o governo teria de conceder, por cerca de 30 anos, a Trensurb. Como contrapartida, a empresa se comprometeria em construir a estrutura nessas cinco cidades. O ponto de partida seria na zona norte de Porto Alegre, próximo à Fiergs, onde seria também o fim da linha. A operação do sistema estaria nas mãos da chinesa.

Ainda não há um contrato com a União, mas outra exigência seria a ampliação do trensurb, que hoje vai até Novo Hamburgo. Estaria no acordo a construção de estações em Campo Bom, Parobé e Taquara, onde seria, então, o fim da linha.

O grupo chinês é o mesmo responsável pela estrutura do meio de transporte contratado pelo ex-prefeito de Canoas Jairo Jorge. No município, a negociação foi possível graças a um financiamento. 

De acordo com Eliseu Padilha, a concessão seria a melhor forma de retomar o investimento em mobilidade no Rio Grande do Sul. Aponta que o negócio é a solução que o governo pode oferecer:

— É infinitamente mais barato do que construir rodovias. 

O ministro descartou qualquer possibilidade de reaver a verba perdida para a construção da segunda linha do metrô em Porto Alegre, reservada ainda no governo de Dilma Rousseff. Foi por falta de dinheiro no Estado e na Capital que o projeto não deslanchou.


Os Heróis da Vida Real.
Hora Certa
Estatísticas
Visitas: 6542033 Usuários Online: 86


Fan Page

Tempo no Brasil
You Tube Inscreva-se.
Departamento de Vendas.
Conexão Blogspot.
Rádio Web.
Bombeiros RS Treinamentos
Febrabom RS
A Maior Loja do Brasil

Inscreva-se em Nosso Canal.
Empresa Forte é Destaque Aqui!
Espaço Democrático.
Anuncie Aqui.
Anuncie Aqui!
Fique informado:
Colunistas

Júlio Valêncio

Contra ou a Favor! "eis a Questão".


MESTRE APARECIDO

O Malvado Favorito.


CARLOS CARDOSO

Bombeiros Civis do Rio Grande do Sul Fiquem Atento a Propagandas Enganosas pois, Nada é de Graça!


Redes Sociais


Bloquear cópia de conteúdo Não tente copiar!
Copyright (c) 2018 - conexaobombeiro.com.br - Todos os direitos reservados